Somos Todos Protetores faz vaquinha para ajudar abrigo de animais resgatados

04/nov 10:39
Por Luana Motta

O projeto  #SomosTodosProtetores está fazendo a vaquinha “Peludinhos passando o chapéu”  para ajudar a manter o abrigo com mais de 50 animais. Todos os cães e gatos foram resgatados das ruas e em situação de maus tratos em Petrópolis. O imóvel onde funciona o abrigo é alugado, e as despesas com a manutenção do espaço e cuidados com os animais chega a R$ 16 mil por mês. Mesmo com a ajuda de parceiros do projeto, não tem sido fácil custear todas as despesas. 

O grupo nasceu em 2019 de um movimento coletivo de protetores e amigos da causa para ajudar animais em situação de risco na cidade. Os cães e gatos que são tutelados pelo grupo são animais abandonados, muitos idosos ou com alguma deficiência, ou seja, com poucas chances de adoção. 

“Nossa ideia é realizar um financiamento coletivo recorrente, para organizarmos um clube de doadores/colaboradores fixos, porém, ainda não conseguimos abrir a conta oficial da ONG, por isso estamospassando o chapéu” com esta vaquinha pra quem puder e quiser dar uma ajudinha para os nossos peludos”, explica o grupo.

O abrigo conta também com algumas doações recorrentes e conseguiram alcançar o valor de R$ 8 mil, mas ainda está longe de bater a meta mensal para dar continuidade ao trabalho de resgate e reabilitação de animais. 

Quem quiser colaborar pode acessar a vakinha pelo endereço: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/peludinhos-passando-o-chapeu

Últimas