Sem contrato para asfalto, tapa-buracos emperra

  • Continua após o anúncio
  • Continua após o anúncio
  • 13/jan 03:35

    Sem contrato para tapa-buracos, a prefeitura está correndo atrás de realizar, às pressas, uma licitação para a compra de pelo menos mil toneladas de asfalto a quente. É o que alega a gestão Rubens Bomtempo reclamando do antecessor, Hingo Hammes, que não deixou uma raspa de asfalto em algum contrato para ser usado. A prefeitura diz ainda que não conseguiu solucionar a buraqueira que se intensificou nos últimos dias com as chuvas por causa disso. Mas, gente, rola fazer um emergencial.  Ou pedir, a Bernardo Rossi, subsecretário das Cidades ao qual o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ) é subordinado, que arrume uma doação de asfalto.

    Ooops!

    Um Partisans observou na manhã de ontem funcionários da obra do Dnit na União e Indústria serrando as laterais das novas tampas de escoamento das águas pluviais na altura da reta da garagem de ônibus da Autobus. Curioso, ele foi perguntar do que se tratava e adivinha! Cimentaram as tampas! E pode ter sido em todas num trecho de 25 quilômetros de obra. Ninguém pensou que elas precisam ser móveis para a manutenção das galerias subterrâneas.

    Repeteco

    Essa história nos fez lembrar o asfaltamento da Montecaseros na gestão Sérgio Fadel, aquele asfalto de primeira, de 12 centímetros de espessura, coisa de primeiro mundo. Só que cobriram todos os bueiros. Aí a Única, empresa de ônibus, emprestou o detector de metais que usava para vistoriar os passageiros para achar as estruturas. 

    E o Serrano, aqui em foto de Henrique Lima, abriu inscrições em cinco categorias entre 10 e 14 anos para quem quer defender as cores do Leão da Serra. As inscrições estão abertas no site do Clube.

    Atraso

    Janeiro veio metendo duas semanas em 72 horas e a gente ainda está com o último Diário Oficial publicado sendo o de 30 de dezembro. Vamos colocar em dia, povo! O Ministério Público está de olho!

    Morno

    E olha que dia 18 completa 30 dias da posse de Rubens Bomtempo como prefeito. Tá certo que teve festas de final de ano, chuvas e coisa e tal, mas a gente esperava mais anúncios e, principalmente, a divulgação de dívidas, rombos e maus feitos das gestões anteriores. 

    Curiosidade

    Tudo bem que mexer no assunto de dívidas acaba respingando em todo mundo, mas ele bem que poderia nos mostrar detalhes do assunto ‘ gastos com a Covid’. Em 2021, a Câmara de Vereadores não conseguiu – por incompetência própria – levar adiante a CPI do Covidão. E, desde então, temos curiosidade para saber sobre alguns gastos como aluguel de tendas para barreiras sanitárias e para o gabinete do prefeito.

    Eu, hein!

    Não sei, não, gente. Se tivesse tudo ok com os carnês de IPTU a prefeitura não precisava montar 13 postos de atendimento para emitir segunda via. Ou estão com erros ou a prefeitura nem tem o endereço dos próprios contribuintes para mandar o carnê pelos Correios.

    Pelo menos isso

    Os temporais trouxeram apenas uma coisa boa: tiraram de circulação as motos barulhentas que dão um grau nas madrugadas.

    Sem ambição

    Ventilado como um dos nomes certos a concorrer este ano, o vereador Fred Procópio diz que não pensa ser candidato a deputado. Também jura de pés juntos que não quer ser candidato a prefeito e nem a vice em 2024. Quer ficar só como vereador.  Essa segunda parte a gente não acredita, não.

    E Queiróz vai para o PTB

    Isso mesmo: Fabrício Queiróz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, investigado no inquérito das rachadinhas, já tem caminho aberto no PTB.  O deputado estadual Marcus Vinícius, ex-Neskau, disse que não vê impedimentos para sua filiação. Eles gostam mesmo de flertar com o perigo.  Talvez surja a dobradinha Queiróz-Neskau para deputado estadual e federal.

    Um ícone o bonecão de papelão de Roberto Jefferson, que o PTB usa nos eventos já que o presidente de honra do partido continua preso e não pode participar. E nesta foto Queiróz bate uma continência para o boneco publicando a imagem em suas redes sociais e anunciando que vai se filiar à legenda.

    Fator Daniel

    E ainda sobre essa nova aquisição do PTB fica a pergunta: e Daniel Silveira? O deputado federal petropolitano não era a aposta dos petebistas?

    100 mil castrações

    No primeiro mês, no programa estadual, já foram castrados 10 mil cães e gatos. A meta é chegar ao final do ano com 100 mil castrações. E podem se inscrever protetores independentes, ONGs e pessoas físicas. Para participar basta fazer o cadastro pelo e-mail: rjpet@agricultura.rj.gov.br.

    Contatos com a coluna: lespartisans@tribunadepetropolis.com.br

    Últimas