Secretaria de Cultura lança edital de intervenções urbanas

13/out 09:41
Por Redação/Tribuna de Petrópolis

Grafites e intervenções culturais do segmento em todo estado terão um edital exclusivo para premiação e valorização da arte urbana. A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (Sececrj) lança, às 14h desta quarta-feira, dia 13, a chamada pública “Rua Cultural RJ”, voltada para arte urbana para colorir muros, ruas e logradouros públicos e privados. A solenidade de lançamento será realizada no Museu do Grafitti, na Pavuna, Zona Norte do Rio.

Serão investidos R$ 6 milhões do Fundo Estadual de Cultura (FEC) para premiar pessoas jurídicas com projetos de ambientações urbanas em todo território fluminense. O edital “Rua Cultural RJ” é a segunda chamada pública do Pacto Cultural RJ, lançado há pouco mais de um mês pela Sececrj no Teatro João Caetano. Até o fim de 2021 serão investidos pelo estado o total de R$ 75 milhões em fomento na arte fluminense.

“O nosso edital de arte urbana nasce da necessidade dos coletivos que atendemos por meio da Lei Aldir Blanc e em projetos que apoiamos e incentivamos. Queremos dar uma nova cara para ruas, murais e demais espaços urbanos que poderemos colorir e preencher com arte, garantindo uma nova ativação cultural nos locais, garantindo cultura e também uma nova área de exploração econômica na região beneficiada”, afirmou a secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio, Danielle Barros.

Mais de R$ 100 mil de premiação por projeto

O edital “Rua Cultural RJ” vai premiar 48 projetos em todo estado com valor de R$ 125 mil por contemplado. Os recursos serão distribuídos entre as 10 regiões que compõem o Estado do Rio de Janeiro: 40% do valor total será disponibilizado para a capital e 60% dos projetos vencedores deverão ser premiados no interior.

O valor da premiação é para uso obrigatório da execução da proposta, que deve garantir intervenção artística com a finalidade de ambientação urbana em local público ou privado de acesso irrestrito composto por um ou mais muros e/ou mobiliários urbanos com no mínimo de 100m² de ocupação. São consideradas ambientações urbanas o uso de linguagens artísticas de arte urbana como grafite, stencil, pintura livre, mosaicos, sticker, lambe-lambe, muralismo, pintura mural, entre outros.

Últimas