Ruas do Centro recebem novo asfalto, mas rua do Centro POP fica para trás

22/fev 13:08
Por Luana Motta

A Rua Visconde de Bom Retiro, onde funciona o Centro Pop, ficou para trás no serviço de manutenção viária que foi feito nas ruas do Centro. Já sem manutenção há mais de um ano, o asfalto cedeu e formaram crateras em todo o trecho, que fica alagado em dia de chuva. Na porta de um dos principais pontos de assistência a população em situação de rua e pessoas em situação de vulnerabilidade, o trecho é usado também por moradores da Rua Teresa e 24 de Maio que usam como atalho para chegar à Rua do Imperador.

A Tribuna conversou com alguns pedestres que passavam pela rua, no último sábado, e a reclamação é quase em coro: “isso não é de hoje, os buracos só ficam maiores”, disse um pedestre. A vendedora Sabrina Justen disse que passa pelo trecho para chegar a Rua Teresa, onde trabalha, e contou que já afundou o pé em um buraco em dia de chuva. “A gente tem que passar pelo cantinho, quase grudado no muro para conseguir passar”, disse.

A Tribuna questionou a Prefeitura sobre a manutenção da via. Em resposta, a Prefeitura informou que a Secretaria de Obras fará uma vistoria na Rua. A manutenção viária do local está no cronograma de reparos do mês de março.

Falta de sinalização horizontal confunde pedestres

Além disso, ruas como a Floriano Peixoto e a Caldas Viana, no Centro, receberam o novo asfaltamento há quase um mês e ainda não foi feita a sinalização horizontal. Pedestres e motoristas disputam espaço e precisam redobrar a atenção para não provocar nenhum acidente.

A Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes (CPTrans) informou que “existe um cronograma para a pintura de toda a sinalização horizontal das vias citadas, porém, a chuva que caiu na cidade nos últimos dias comprometeu o planejamento. A companhia aguarda apenas condições climáticas favoráveis para realização do serviço.”

Últimas