Roteiro Sabores do Mundo: um passeio a pé pela gastronomia internacional em Petrópolis

  • Continua após o anúncio
  • Continua após o anúncio
  • Por Aghata Paredes

    Basta andar pelas ruas de Petrópolis para observar que ela é uma cidade repleta de encantos naturais, históricos e gastronômicos. No Centro Histórico, a pé mesmo, petropolitanos e turistas têm a oportunidade de viver experiências únicas e saborosas, proporcionadas por estabelecimentos que estão aderindo ao Roteiro Sabores do Mundo.

    “Somos apaixonados por gastronomia e por Petrópolis. Percebemos o grande potencial turístico da cidade, pouco explorado, além da boa vontade e disposição dos comerciantes locais.”

    Ruy Mascarenhas

    A iniciativa de Ruy Mascarenhas, especializado em Marketing Promocional e com ampla experiência na elaboração de produtos voltados para o segmento de turismo em áreas urbanas, tem como objetivo oferecer às pessoas experiências gastronômicas temáticas. Segundo ele, apreciar o melhor da gastronomia de cada país em Petrópolis é ainda melhor quando se pode fazê-lo a pé: “A ideia é realmente caminhar e descobrir sabores e experiências diversificadas na cidade. Em uma caminhada pelo Centro Histórico, inclusive, já é possível ver alguns dos estabelecimentos cadastrados com a placa do Roteiro Sabores do Mundo.”

    Simone Amorim, responsável pela confeitaria Doces Húngaros, aderiu ao Roteiro Sabores do Mundo. “É muito bom fazer parte de uma ação conjunta que, com certeza, ajuda a fortalecer o comércio local e as relações entre os empresários. União faz a força, sempre. A cidade merece todo e qualquer esforço para promover sua excelente gastronomia.”, comenta.

    Foto: Divulgação

    Na confeitaria Doces Húngaros, especializada em massas folhadas húngaras, um dos pratos mais conhecidos da casa é o mil folhas ou Krémes. Muitos acreditam que o doce é francês, mas ele é muito tradicional na Hungria.

    Os estabelecimentos selecionados para esta primeira fase do projeto oferecem uma experiência gastronômica percorrendo sabores e aromas de dez países, seja através do cardápio já oferecido ou a partir de algum prato típico específico. Quem caminhar pelo Centro Histórico poderá desvendar os segredos da gastronomia brasileira, japonesa, italiana, argentina, mexicana, mediterrânea, húngara, sírio-libanesa, norte-americana e alemã. 

    Foto: Divulgação – Alguns dos estabelecimentos que aderiram ao Roteiro Sabores do Mundo.

    A organização do roteiro veio em boa hora, já que com as chuvas de fevereiro e março muitos estabelecimentos estão enfrentando a dificuldade de manter as portas abertas. Segundo Ruy, o Centro Histórico sempre teve uma veia gastronômica pulsante e mostrar ao público o que a cidade tem a oferecer contribuirá para que, a médio e longo prazo, haja a atração e captação de novos empreendedores, empresas e marcas fortes do segmento gastronômico para a região. “Isso contribuirá não apenas para gerar renda e empregos, mas também para que essas ruas se tornem um grande shopping a céu aberto, com ampla oferta e serviços de qualidade, inspiradas por modelos inteligentes e bem-sucedidos dos downtowns de cidades históricas mundo afora.”, comenta. 

    Foto: Divulgação 

    Que tal um café da manhã tipicamente argentino? A cafeteria Havanna, outro estabelecimento que aderiu ao projeto, promete uma experiência única com as empanadas argentinas, o doce de leite portenho e os autênticos alfajores.

    Questionado sobre a expectativa do Roteiro Sabores do Mundo, Ruy conta que seu objetivo é transformar Petrópolis e o seu Centro Histórico em referência gastronômica no estado, unindo os comerciantes e atraindo, cada vez mais, turistas do mundo todo. 

    Os estabelecimentos interessados em participar, segundo o organizador, devem ter uma boa localização, para que o turista consiga chegar a pé ao local, algum tipo de experiência gastronômica ligada à culinária internacional, além de um mix de tradição e novas tendências.

    Últimas