Projetos contra monopólio no setor de tecnologia ganham força em Washington

26/jun 07:20
Por Dow Jones Newswires / Estadão

Os esforços antitruste contra grandes empresas de tecnologia, como Alphabet, dona da Google, Apple, Amazon.com e Facebook, estão ganhando forças em Washington. Um pacote de projetos de seis partes foi aprovado pelo Comitê Judiciário da Câmara na quinta-feira, 24, abrindo caminho para que a Câmara e o Senado considerem a legislação.

As medidas incluem o Ending Platform Monopolies Act (Ato de Encerrar o Monopólio de Plataformas, em tradução livre), que autorizaria os reguladores a tomarem medidas contra as empresas que potencializam suas grandes plataformas com o intuito de promover seus outros negócios às custas dos concorrentes.

No Reino Unido, a Autoridade de Concorrência e Mercados (CMA, na sigla em inglês) disse nesta sexta-feira que lançou uma nova investigação sobre como a Google e a Amazon lidam com avaliações falsas em seus sites. O órgão acrescentou que não concluiu que as empresas violaram a lei. Tanto a Google quanto a Amazon disseram que trabalhariam com a CMA, de acordo com o The Wall Street Journal.

A Google atrasou sua eliminação de cookies de rastreamento de terceiros, planejada para ontem. Citando a necessidade de mais tempo, a empresa agora planeja uma remoção de três meses da tecnologia de rastreamento de usuários em meados de 2023. O anúncio disparou ações das companhias de tecnologia de publicidade Criteo, Trade Desk, Pubmatic e Magnite, que ganharam mais tempo para se adaptarem à ferramenta que substitui os cookies.

Últimas