Projeto enaltece obras de poetas Petropolitanos, interpretadas por atores locais

  • Continua após o anúncio
    Continua após o anúncio

  • 20/03/2021 17:26
    Por Redação/Tribuna de Petrópolis

    Com a proposta de resgatar a diversificada produção literária da cidade, o projeto Autores & Atores começa neste sábado (20), a exibir obras de autores, interpretadas por atores de Petrópolis. O evento, realizado inteiramente por plataforma digital, vai ser transmitido até o dia 31, sempre às 19h, pela página da rede social do idealizador do trabalho, o ator e produtor, Arthur José Varella Guedes. Todo conteúdo, distribuído em 12 edições, também será compartilhado pelo canal do Youtube Verso & Prosa.

    Para Varella, o trabalho coloca em evidência obras de poetas. “Bem como propiciar aos atores da cidade, uma oportunidade de participar deste registro permanente, desta memória que pretendemos perenizar. É ainda a nossa homenagem ao aniversário de 178 anos desta cidade tão plural”, revela o produtor

    A pesquisa literária do projeto é assinada pelo poeta, escritor, acadêmico, historiador e também ator Joaquim Eloy, que participa ainda interpretando. Foram escolhidos 12 poetas, de quatro épocas distintas, desde meados do século XIX, passando pelos séculos XX e XXI, que serão interpretados por nove atores. “Autores & Atores” é uma realização da Mathiz- Agência Cultural, apresentado pelo Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, através da Lei Aldir Blanc.

    Entre tantos talentos literários, foram escolhidos para este projeto os autores, Raul de Leoni, Annuar Jorge, Carlos Maul, Hélio Chaves, Mario Fonseca, Reynaldo Chaves, Salomão Jorge, Luciano Gualberto, Aládia Pereira de Almeida, André Heidemann, Anadir Bretas Bastos e Mario Rossi. Os artistas convidados que interpretam as obras são: Paulo Marcos Carvalho, Andréa Dutra, Eli Mikail, Joaquim Eloy, Claudia Varella, Vania Moreira, Flavia Miranda, Beth Silveira e Ariel Barbosa.

    De acordo com o idealizador, a cidade sempre foi um berço de poetas. “Petrópolis e seus encantos, desde os primórdios, motivaram a subida da serra por poetas, escritores, artistas dos mais variados cantares. Muitos de passagem, outros para residência e todos eles deixando versos de paixão por ela”, pontua.

    Na cidade residiram expoentes como Manuel Bandeira, Vinicius de Moraes, Fagundes Varella, Dante Milano, Raul de Leoni, Fernando Py, Paulo Gomide, Carlos Maul e muitos outros. Destacam-se também os petropolitanos como Reynaldo Chaves, Mauricio Cardoso de Mello, Farid Felix, Joaquim Santos, Mário Fonseca, Aládia de Almeida, Gustavo Wider, Carauta de Souza, Helio Chaves, Hebe Brasil, Roberto Francisco, só para citar uns poucos. “Na atualidade, poetas se esbarram em passeios pelos jardins do Museu Imperial, assim Petrópolis respira poesia e este projeto fará com que se apresentem, se reapresentem, povoem e repovoem de versos e cânticos os céus petropolitanos”, destaca Arthur.

    Últimas