Prazo para o Saque Calamidade do FGTS termina dia 18 de maio; saiba como solicitar

  • Continua após o anúncio
  • Continua após o anúncio
  • 14/maio 10:00
    Por Redação/ Tribuna de Petrópolis

    Moradores dos 1º, 2º e, parte, do 3º distritos de Petrópolis que ainda não solicitaram o Saque Calamidade do FGTS tem até 18 de maio para solicitar o benefício. Anunciado em fevereiro, após a tragédia, o Saque Calamidade é destinado à população que foi direta ou indiretamente afetada por desastres naturais. O teto máximo para saque é de R$ 6.220,00, que, se aprovado, é liberado após cinco dias da solicitação. Confira abaixo o passo a passo para solicitar o benefício.  

    Passo a passo para solicitar o benefício 

    A solicitação do Saque Calamidade pode ser feita pelo aplicativo do FGTS, pelo celular, sem a necessidade de comparecer a uma agência da Caixa. Ao registrar o pedido, é possível indicar uma conta de instituição financeira para receber os valores, sem custo operacional. O aplicativo está disponível para download nas plataformas digitais e é compatível com os sistemas operacionais Android e IOS. 

    Depois de baixar o aplicativo e preencher as informações de cadastro, o beneficiário deve procurar a opção “Meus Saques”, selecionar “Outras situações de saque – Calamidade pública” – e acessar a cidade.  

    Em seguida, deve encaminhar foto do documento de identidade e comprovante de residência em nome do trabalhador, emitido até 120 dias, ou seis meses, antes da decretação de calamidade. Por exemplo, no caso da tragédia de 15 de fevereiro, o documento deve ter sido emitido até 15 de agosto. 

    Os documentos aceitos são: carteira de identidade, carteira de habilitação ou passaporte; comprovante de residência em nome do trabalhador, como conta de luz, água ou outro documento recebido via correio; certidão de casamento ou escritura pública de união estável, caso o comprovante de residência esteja em nome de cônjuge ou companheiro (a). 

    O beneficiário deve, então, selecionar a opção para creditar o valor em conta. O prazo para retorno da análise e crédito em conta, caso aprovado o saque, é de 5 dias úteis. Caso a primeira solicitação seja indeferida, é possível realizar um segundo pedido. 

    Quem conseguir a liberação do benefício terá o limite de R$ 6.220,00 para saque. Para poder sacar, é necessário não ter realizado o saque pelo mesmo motivo em período menor do que 12 meses. Ou seja, se o cidadão fez o saque pelo mesmo motivo de calamidade pública, mas num período superior a 12 meses, está apto a sacar novamente desta vez. 

    Para mais informações, os trabalhadores podem acessar o site da Caixa ou entrar em contato com o banco pelo Fale Conosco 0800 726 0207. 

    Últimas