Por que amar um filho?

  • 06/05/2016 11:05

    Uma pergunta às mães: por que as mães amam seus filhos? Eu sei, é uma pergunta boba, mas, me desculpem: Por quê?

    Durante meses, esse bebê lhe trouxe sofrimentos. Ele mudou o seu corpo. Você nunca mais será a mesma. Por causa dele, você teve náuseas, enjoos, vômitos. Teve desejo de comer as coisas mais absurdas, que nunca ficavam no estômago. Ele chutou sua barriga. Ocupou um espaço que não era dele. Comeu alimentos que não preparou, se nutriu de você, sugando de você tudo que precisava para se desenvolver! Você o manteve aquecido. Você o manteve seguro. Você o manteve alimentado. Mas será que ele agradeceu?

    Mal o bebê saiu da barriga, já começou a chorar! Acabou seu sossego! No hospital, há o desconforto até você poder voltar para casa. Quem o bebê quer a todo momento, a toda hora? A mamãe – você! Você não pode tirar folga nunca? Por que o papai não pode assumir? Mas não, o papai não pode assumir porque o bebê quer a mamãe! Só você tem aquele colo especial. Só você tem o leitinho quentinho que nutre e acalma, alimentando o corpo e a alma!

    E ele nem lhe disse que estava chegando. Simplesmente veio. E que chegada! Você gritou, praguejou, chorou. Cerrou os dentes e se segurou com força nos lençóis. E veja só como você está agora. Suas costas doem, sua cabeça lateja. Seu corpo está molhado de suor. Todos os músculos retorcidos e estirados. Ah, foi cesariana? As semanas seguintes foram terríveis! Todo cuidado era pouco par que os pontos não abrissem! 

    Noites tranquilas de sono? Esqueça! Sair a hora que bem entende e ir para onde você quer? Esqueça! Olhar aquele filme sossegada? Esqueça! 

    Diante de todo esse quadro, você deveria estar brava. Mas está? Claro que não! Pelo contrário; em seu rosto, há um amor maior que a eternidade. Ele não fez nada por você; mas você o ama. Ele trouxe sofrimento para seu corpo e náuseas para suas manhãs, tirou o sossego da sua vida, mas, mesmo assim, ele é o seu tesouro. O rosto dele quando pequeno é enrugado e os olhos turvos. Apesar disso, você só consegue dizer que ele é lindo e falr sobre o futuro brilhante dele.  Você simplesmente é louca por ele!

    O amor de mãe tem inspiração no amor de Deus. Deus é como uma mãe amorosa, diz Isaías: “Como alguém a quem sua mãe consola, assim eu vos consolarei.” (Isaías 66.13) 

    Por que Deus nos ama? Há motivos? Não! Somos mesquinhos, egoístas, malvados! Traímos a confiança de deus a todo momento! Somos seres humanos pecadores que não merecem mais do que a condenação divina!

    Mas, apesar disso, Deus nos pega no colo, nos dá seu amor, nos dá seu perdão, sua salvação em Jesus – como alguém a quem sua mãe consola, assim eu vos consolarei! A imagem da mãe pegando seu filho no colo logo nos vêm à mente. Deus nos pega no colo, nos consola, nos dá carinho assim como nossa mãe tantas veze na vida fez conosco. 

    Sejamos gratos a Deus pela mãe terrena que temos. Sejamos gratos a Deus por Ele ser nossa mãe celeste, que nos consola, nos pega no colo, nos dá carinho, nos ama, nos corrige e salva!


    Conheça a Igreja Evangélica de Confissão Luterana em Petrópolis. 

    Avenida Ipiranga, 346.

    Cultos todos os domingos às 09:00h. Tel. 24.2242-1703


    Últimas