Partido faz festa para comemorar filiação do ex-prefeito Paulo Mustrangi

  • 27/02/2020 16:06

    Corregedor

    O ministro petropolitano Aloysio Corrêa da Veiga, do TST e do Conselho Nacional de Justiça, assumiu interinamente o cargo de Corregedor da Justiça do Trabalho. Foto: Divulgação

    Ministro do Superior Tribunal do Trabalho e membro do Conselho Nacional de Justiça, o petropolitano Aloysio Corrêa da Veiga assumiu interinamente o cargo de Corregedor da Justiça do Trabalho. Formado pela UCP, na turma de 1974, ingressou na magistratura em 1981, como juiz substituto e chegou ao TRT, em 1997. Ele tem uma grande legião de amigos em Petrópolis, que comemoram o sucesso de sua carreira.

     

    Baile da Ressaquinha

    O Hiper do Alto da Serra calcula que cerca de cinco mil pessoas participaram dos bailinhos infantis realizados durante todo o carnaval. Para comemorar o sucesso, realiza o Baile da Ressaquinha, no próximo sábado. Foto: Divulgação

    O Hiper do Alto da Serra programou o baile infantil da Ressaquinha, no próximo sábado, às 15h. Os bailinhos realizados durante o carnaval tiveram sucesso. Somente no sábado, calcula-se que mais de 600 crianças participaram da festa. O baile terá animação de marchinhas e a presença da Bela Brinque, pintando as crianças, a partir das 15h.

     

    Criança Cidadã 1

    Reunião no Batalhão Pedro II confirma parcerias em apoio ao Programa Criança Cidadã, promovido a unidade militar, sob coordenação do tenente Franzotti. Foto: Divulgação

    A Secretaria de Saúde, de Educação e de Assistência Social, o Juizado da Infância e Juventude, a Mitra Diocesana estão entre as instituições que apoiam o Programa Petrópolis Criança Cidadã, desenvolvido pelo 32º Batalhão de Infantaria Leve (Batalhão Pedro II), de Petrópolis. A parceria foi reafirmada em reunião realizada na última quinta-feira, com a presença do coordenador do programa, tenente Franzotti.

     

    Criança Cidadã 2

     O programa atende adolescentes de 14 a 17 anos, em vulnerabilidade social. Criado em 1999, Criança Cidadão atende hoje a 40 adolescentes. Eles participam de oficinas profissionalizantes, recebem reforço escolar e têm orientação religiosa, de cidadania, moral e cívica, além de participarem de atividades culturais e de educação física. 

     

    Incorporação

    O Batalhão Pedro II vai promover, no próximo dia 6 de março, às 9h, a solenidade em comemoração à incorporação do contingente de recrutas de 2020, sob o comando do tenente-coronel Allan Danilo Paiva Salazar.

     

    Filiação

    O partido Solidariedade faz festa, no próximo dia 2 de março, às 19h, na sede do Palmeira, no Itamarati, com a presença de seu presidente nacional, deputado Áureo Ribeiro, para receber o ex-prefeito Paulo Mustrangi, que assina ficha de filiação à agremiação. Como tanto Mustrangi quanto o presidente do partido, Juvenil Santos, são carnavalescos, é certo que vai haver samba.

     

    Nélson de Sá Earp

    Prestes a ser transformado em unidade de referência ortopédica, o Hospital Municipal Nélson de Sá Earp recupera a grande importância que teve na estrutura da área de saúde no município, desde que era o Pronto Socorro Municipal. Além de mais espaços e equipamentos, que exigirão um grande investimento, o HMNSE está ganhando 10 vagas de UTI.

     

    Bicicletário

    A Praça Visconde de Mauá, a praça da Câmara Municipal, pode ganhar um bicicletário, como forma de estimular que servidores e a população usem esse meio de transporte não poluente. Partisans querem acompanha a inauguração deste equipamento. Pode ser divertido ver o autor do projeto, vereador Marcelo Lessa, e seus companheiros chegando de bicicleta para o trabalho.

     

    Esclarecimentos

    Partisans publicam esclarecimentos do teólogo Leonardo Boff, sobre nota publicada no último domingo:

    “Com referência ao que foi publicado, no domingo dia 23 de fevereiro, na página Les Partisans sob o título “Virou Vidraça”, peço publicar o seguinte texto para esclarecimento dos leitores deste jornal.

    “O blogueiro Bernardo Küster publicou em janeiro de 2019 um vídeo em seu canal de youtube com graves calúnias e injúrias contra mim como pessoa e contra o Centro de Defesa dos Direitos Humanos de Petrópolis que há 40 anos faz um sério trabalho com a população pobre de nossa cidade. Solicitei extrajudicialmente o direito de resposta para esclarecimento das acusações. Este pedido extrajudicial foi ignorado pelo Sr. Bernardo Küster. Dos seguidores do canal do Youtuber e de outras pessoas que não procuram a verdade antes de compartilhá-la, seguiram as acusações.

    “Como se tratava de um crime de grave calúnia e mentiras que colocaram em prejuízo não só a reputação do CDDH-Petrópolis como também prejudicou as comunidades assessoradas pela instituição, não tive alternativa senão buscar a justiça.

    “Interrogado pelo juiz em Petrópolis com relação à provas do que acusava, o Sr. Bernardo Küster respondeu que não tinha, somente ilações.

    “Em dezembro, antes do recesso judiciário, foi condenado pelo juiz de Petrópolis com várias penalidades.

    “Ele recorreu e pediu suspensão das penalidades. O recurso segue seus trâmites mas as penalidades não foram suspensas pelo juiz, ou seja, o Sr. Bernardo Küster já deveria ter cumprido com aquilo a que foi colocado pela decisão judicial. Sairá dentro em breve a sentença jurídica definitiva.

    “Sempre respeitei a liberdade de expressão prevista na Constituição e em nome desta liberdade não é licito cometer crimes de injúria, calúnia e difamação, como ocorreu no youtube do Sr. Bernardo Küster e é a justa razão do meu recurso à justiça até que a verdade prevaleça”. 

    Últimas