Natal Imperial: com expectativa de 400 mil visitantes, governo interino prevê alteração nos protocolos sanitários

22/nov 20:25
Por Luana Motta e Jussara Madeira

Nesta segunda-feira (22), foi anunciada a programação do Natal Imperial 2021, o primeiro grande evento presencial que será realizado desde o início da pandemia, em março de 2020. A expectativa da Prefeitura é que a festa atraia 400 mil pessoas à cidade. No entanto, faltando 10 dias para a abertura, ainda não foi definido quais serão os protocolos sanitários que deverão ser adotados. O que se sabe até agora é que o uso de máscaras continuará obrigatório em ambientes abertos ou fechados até o dia 31 de dezembro. 

Durante a coletiva de imprensa que aconteceu nesta segunda-feira, no Palácio Quitandinha, para apresentação da programação, o prefeito interino Hingo Hammes disse que, hoje, o município está atingindo a marca de 200 mil pessoas vacinadas e que, como o estado também está com avançado índice de vacinação, não haverá a necessidade de se limitar o número de pessoas em eventos ao ar livre. 

Atualmente, está vigorando a nota técnica nº 57/2021 da Secretaria Municipal de Saúde, que autoriza e estabelece os protocolos sanitários em eventos para até 3 mil pessoas em ambientes externos. Além da obrigatoriedade do uso de máscaras e distanciamento social, é obrigatória a apresentação do “passaporte da vacina”, a comprovação de que o indivíduo tomou uma ou duas doses da vacina contra covid-19 ou a apresentação de um teste negativo para a doença. 

O Natal Imperial deste ano, começa no dia 02 de dezembro e vai até 09 de janeiro de 2022. Serão 39 dias de festa, com mais de 400 horas de programação. Segundo a Dellarte, empresa responsável pela programação cultural, serão mais de 300 atrações e mil artistas, em 18 locais diferentes na cidade. A expectativa da Prefeitura é que o evento atraia 400 mil pessoas. Público semelhante ao da última edição presencial, em 2019, quando foram 450 mil pessoas na cidade. 

A Secretaria de Estado de Saúde flexibilizou o uso de máscaras em ambientes externos, para os municípios que tiveram 65% de toda a população ou 75% do público-alvo imunizados com as duas doses da vacina contra a covid-19 ou com a dose única, do imunizante da Janssen. Segundo dados da Secretaria de Saúde do município, até a semana passada, Petrópolis tinha vacinado quase 73% do público-alvo (acima de 12 anos) com as duas doses da vacina, já bem próximo da previsão de liberação do Governo do Estado. 

Na coletiva, respondendo às perguntas de jornalistas, o prefeito interino disse que até 31 de dezembro será mantido o uso de máscaras. E que a expectativa, se tudo correr bem, é de liberar o item de proteção em janeiro. Já os protocolos sanitários para o Natal Imperial, ainda devem ser divulgados pela Prefeitura.

Últimas