“Namíbia, não!” peça dirigida por Lázaro Ramos se apresenta no Theatro D. Pedro

  • 18/05/2016 10:22

    Uma reflexão bem-humorada sobre as relações étnicas no Brasil compõe o enredo do espetáculo teatral “Namíbia, não!”, dirigido por Lázaro Ramos, e que será apresentado em Petrópolis neste mês como atração do SESI Cultural. Desde sua estreia em 2011, a peça circula por diversos estados brasileiros e Portugal e contabiliza mais de 300 mil espectadores. Aqui, a apresentação está marcada para o dia 20, às 20h no Theatro D. Pedro. Os ingressos estão à venda na bilheteria e custam R$ 22.

    Na encenação, os atores Sérgio Menezes – conhecido por suas atuações no cinema nacional – e o próprio autor do texto, Aldri Anunciação, interpretam os primos André, um estudante do curso de Direito, e Antônio, um aspirante a uma vaga de diplomata no Itamaraty.

    Os dois devem encarar uma curiosa situação imposta pelo governo brasileiro: a extradição para África de todos os cidadãos de melanina acentuada, num movimento inverso ao que aconteceu há quatro séculos atrás. A medida é ironicamente justificada como uma forma de reparação social a todos que sofreram por 300 anos com a escravidão e que ainda em 2016 sofrem com o absurdo do preconceito.

    Com humor e inteligência, a dupla confinada em um apartamento por causa desta absurda Medida Provisória, provoca uma discussão questões sociais e econômicas da vida atual, seus anseios pessoais e as consequências de um iminente retorno à África-mãe.

    Em 2013, “Namíbia, Não!” foi um dos espetáculos que representou o Brasil no Ano do Brasil em Portugal, evento promovido pelo Ministério da Cultura, com apresentações no Teatro Nacional São João na cidade do Porto.

    Em 2012 o texto foi publicado em livro pela Ed. Edufba e foi laureado em com o Prêmio Jabuti de Literatura na categoria Ficção para Jovens, sendo Aldri, o primeiro negro a receber o prêmio por uma obra de ficção. Namíbia, não! Já conquistou outros cinco prêmios teatrais e literários.

    A encenação também marca a estreia de Lázaro Ramos em direção de espetáculo adulto. Nascido em Salvador/Bahia no ano de 1978, Lázaro Ramos tem como formação cursos de teatro, dança e canto, além de ter integrado o Bando de Teatro Olodum. Além de um vasto currículo como ator de cinema, teatro e televisão.

    Os ingressos para a apresentação teatral estão à venda na bilheteria do Theatro D. Pedro (aberta das 14h às 20h) e custam R$ 22. Pessoas com mais de 60 anos, estudantes, deficientes físicos e associados ao SESI pagam meia-entrada.

    SERVIÇO: 

    Peça teatral Namíbia, não!

    Local: Theatro D. Pedro (Praça dos Expedicionários, s/nº, Centro)

    Dia: 20 de maio

    Hora: 20h

    Ingressos: R$22,00 (inteira) e R$ 11,00 (meia)

    Classificação: 16 anos

     

    Últimas