Lucas Braga lamenta falhas do ataque do Santos: ‘Não fomos efetivos’

16/abr 22:57
Por Estadão

Como aconteceu no jogo anterior do Santos no Paulistão, o ataque passou em branco novamente. Nem o jovem Ângelo e nem o experiente Marinho, que entrou somente no segundo tempo para tentar salvar o time, conseguiram balançar as redes na derrota por 3 a 0 para a Ponte Preta, em Campinas, nesta sexta-feira.

Para o atacante Lucas Braga, que foi titular no Moisés Lucarelli, o Santos criou pouco e não soube aproveitar as poucas chances que teve, principalmente no segundo tempo. “Não fomos efetivos. Deixamos eles abrirem uma larga vantagem no primeiro tempo, depois para correr atrás ficou difícil. A gente manteve a posse de bola, mas finalizou muito menos que eles”, disse o jogador, em entrevista ao canal SporTV.

O Santos foi totalmente dominado pela Ponte no primeiro tempo, quando saíram os três gols da partida. O ataque praticamente não trabalhou na etapa inicial. No segundo tempo, até criou oportunidades, quase sempre em lances de bola parada. Não foi o suficiente para ao menos diminuir a vantagem da Ponte.

“Acho que faltou um pouco da finalização, de chegar ali no último terço e definir. Eles fizeram isso muito bem no primeiro tempo e saíram com a vitória”, resumiu Lucas Braga.

Últimas