Liberdade ainda que tardia

  • 02/01/2017 16:45

    Não, não… esta frase não é minha. Ela é a famosa frase que outrora os inconfidentes sugeriram para estampar a bandeira da república, no final do século XVIII. Mas facilmente podemos usá-la, e fazer jus a liberdade que nossos motos nos proporcionam.

     Mas, você pode estar se perguntando o que este assunto tem a ver com o projeto “de moto pelo inteRIOr”?

     Bem… é montando na garupa desta história que darei o pontapé inicial (ou melhor: acelerada inicial) em minhas viagens pelo interior fluminense, e compartilhar com todos vocês através da Tribuna de Petrópolis.

    VAMOS ATÉ INCONFIDÊNCIA?

    Inconfidência é um pequeno lugarejo, distrito de Paraíba do Sul, região centro sul fluminense. Neste local, nosso camarada Joaquim José da Silva Xavier – o Tiradentes – andou se hospedando e pregando a liberdade na qual tanto almejava para as terras brasílis, em suas idas e vindas entre Rio de Janeiro e Minas Gerais.

    Muitos sabem que após morrer enforcado, o corpo de Tiradentes foi cortado em partes, e espalhado por vários lugares. E adivinha! Um dos lugares escolhidos para isto foi Inconfidência, antes chamado de Sebollas (não escrevi errado, é com “S” mesmo). Sebollas era um lugar de rotineiras hospedagens de Tiradentes, e claro, onde aproveitava para “pregar” sua filosofia de liberdade.

    Hoje em Inconfidência, se encontra uma pequena casa de antiga arquitetura, que abriga o Museu Tiradentes. Ali se encontram alguns objetos importantes evidenciando suas passagens pelo local, e inclusive parte de ossada atribuída à Tiradentes. Vale a pena conferir de perto.

    É fácil chegar até Inconfidência. Saindo de Petrópolis, pegar a bela e convidativa BR-040 sentido Juiz de Fora, seguir até o acesso à Secretário, que fica ao lado da fábrica da Cervejaria Itaipava. Logo após, seguir pela RJ-123 por 8Km, até a Estrada do Fagundes. Por mais 12Km chegamos até Inconfidência, sendo metade deste caminho por estrada sem pavimentação, porém muito boa de percorrer e sempre cercado de belíssima paisagem.

    Após a visita à Inconfidência, vale a pena seguir viagem por 22km até Paraíba do Sul, passando inclusive por um antigo local onde os tropeiros costumavam parar para cauterizar as feridas de seus animais (cavalos e jumentos), ficando assim este local batizado de 'Queima Sangue'. Neste local, além de Tiradentes, o Duque de Caxias também deixou suas pegadas por lá cumprindo uma de suas importantes tarefas: A vigilância do caminho dos diamantes e do ouro.

    Recomendo este "bate-e-volta", mas lembre-se: viaje com responsabilidade e segurança, pois afinal de contas, um dos prazeres de viajar de moto é você poder chegar em seu destino e depois compartilhar seus passeios com os amigos.


    Um grande abraço, boa viagem e Deus os abençoe!


    Veja o blog de moto pelo InteRio.


    Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Jornal Tribuna de Petrópolis.


    Últimas