Infectologista alerta para doenças respiratórias causadas pelo frio intenso em Petrópolis

  • Continua após o anúncio
  • Continua após o anúncio
  • 27/maio 16:25
    Por Helen Salgado

    O frio chegou em Petrópolis e com ele as doenças respiratórias. O médico infectologista, Dr. Maurício Machado da Unimed Petrópolis, dá dicas de como se manter livre dos problemas causados pelo frio.

    O infectologista explica que as principais doenças adquiridas são os processos virais convencionais. “Resfriados comuns, gripes, sinusites, otites, enfim, as doenças do aparelho respiratório tanto superior quanto inferior. Não se pode esquecer ainda o caso da Escabiose (sarna), cuja incidência se inicia exatamente agora, no início do clima frio na nossa cidade. Ela ocorre por falta de higiene adequada, como banhos diários e troca de roupa, lavando-a também diariamente. A escabiose observa-se principalmente no retorno das aulas, em agosto. A propagação é maior nas crianças e adolescentes jovens”, explica.

    Dr. Maurício afirma que a principal forma de prevenção é a higiene pessoal, evitando também o contato físico interpessoal e fazendo o uso das vacinas disponíveis para as doenças virais. Ele ressalta que a manutenção de uma boa hidratação e alimentação adequada é quase que fundamental para a preservação da saúde. O infectologista afirma que é importante não se esquecer da vida em ambiente livre, com exposição à luz solar e dos exercícios físicos convencionais.

    Uso de máscara

    Embora o uso de máscara tenha sido liberado no munícipio, Dr. Maurício afirma que considera importante esta medida para redução dos casos de infecções virais e bacterianas. “Além do uso de máscara, não se pode esquecer de lavar as mãos de maneira adequada, com água e sabão, secando-as em toalhas descartáveis. Tem importância também a lavagem do rosto pelo menos três ou quatro vezes ao dia, além do banho diário” conclui.

    Últimas