Giro da Tribuna pelo Esporte: Setembro importante para o Serrano

10/set 13:42
Por Roberto Márcio, especial para a Tribuna de Petrópolis

Não passou despercebido o aniversário de 70 anos do icônico campo de futebol petropolitano. O estádio Atílio Marotti completou esta data tão importante que virou um símbolo do futebol no Rio de Janeiro, o espaço que sediou o jogo em que Anapolina tirou o sonho do primeiro tetra do Flamengo, de ter recebido jogos da Taçça de Prata (segunda divisão brasileira) e tantos outros jogos emocionantes.

Foi no dia sete de setembro – dia em que o clube co-irmão do Serrano Vera Cruz também apagou velinhas – de 1951 que o Olaria foi convidado para disputar um amistoso de celebração. Não foi o dia mais feliz para o serranista. No duelo, os cariocas venceram por 3 a 1. O homem que mais lutou pelo campo de futebol, o dirigente Atílio Marotti, morreu de acidente automobilístico e teve seu nome batizado no icônico espaço esportivo.

Será em setembro, também, que o serranista estará renovando sua esperança de voltar a ser destaque no cenário do futebol. No dia 19, fora de casa, o Serrano estreia no Campeonato Estadual da Série B1 contra o Serra Macaense de olho na possibilidade de brigar pelo título e garantir uma vaga na A2 em 2022.

Duelo da Série B nacional aconteceu no Serrano em 2018

Na recente vitória do Botafogo sobre o Remo por 1 a 0, dois jogadores se reencontaram em uma partida pelo Campeonato Brasileiro da Série B. Pois bem, o volante Artur, do time paraense, estava em campo pela Segundona  do Rio jogando pelo Serrano contra o São Gonçalo EC, que na época tinha um certo atacante chamado Chay, hoje um dos destaques do Botafogo. E o time do botafoguense levou a melhor em Petrópolis: 1 a 0.

Expectativa para o início dos campeonatos oficiais de futebol é grande

Falta muito pouco para começar a temporada de competições da Liga Petropolitana de Desportos. No dia 19, a emntidade abrirá a temporada com o Campeonato Municipal de super máster, com duas partidas: em Cascatinha, o Cascatinha/Gaguinho enfrentará às nove horas o Boa Esperança/PSV e, às 11 horas no mesmo local, o Posse encara o santa Isabel/Alegria.

Torneio interno é um “aquece” para os próximos compromissos do hóquei local

A Casa de Portugal de Petrópolis realizou recentemente, no ginásio Mário Machado, em Quitandinha uma competição interna de hóquei sobre pations, com a participação desde a garotada de base até os veteranos. Este foi um “aquece” para a rodada de compromissos previstos para este mês: Nos dias 18 e 19 em Teresópolis, com todas categorias e no dia 25 na cidade de Santos.

Fábio Vladimir quer desenvolver um projeto de atletismo na cidade

Após 11 anos fora da Cidade Imperial, o carioca radicado petropolitano Fábio Vladimir, ex-corredor pelo Flamengo e Vasco, quer desenvolver um trabalho com atletas locais. Ele quer colocar em prática tudo aquilo que aprendeu nos Estados Unidos, Uruguai e Filipinas, tanto é que dividirá com um colega uruguaio o planejamento de trabalho. Os grandes clubes do Rio também estão no seu foco.

Petrô, com Betinho Édler, vai desenvolver a categoria Kids no tênis

O renomado treinador Betinho Édler anunciou recentemente seus planos para o tênis já pensando em 2022. Além da manutenção da preparação de adolescentes para competições no país e no exterior, Édler vai preparar futuros tenistas na categoria Kids – crianças até 10 anos. Para a próxim,a temporada, quer incrementar as participações no circuito estadual.

Bolonista treina na Coral pensando nos campeonatos de 2022

Com a expectativa de uma assembleia já agendada pela Confederação Brasileira para janeiro, ainda que de formas virtual, o bolão 16 deve voltar a ter campeonatos em 2022. Por conta disso, a principal atleta da modalidade no município, Patrícia Bade, voltou a treinar de maneira técnica na pista da Coral Concórdia, na rua 13 de maio, que passou por reformas. Bade quer brilhar na próxima temporada.

Handebol mostra sua força no Centro Esportivo, no Caxambu

O handebol está na pauta do esporte local neste segundo semestre. Recentemente, no Centro de Iniciação Esportiva Paulo Guerra Peixe, a modalidade recebeu uma rodada tripla do Campeonato Estadual e ainda um amistoso máster, sendo que a equipe da Naft, que vai brigar pelo título no Brazil Master Cup, em São Paulo. A jogadora Vanessa Pelli, referência local, se disse pronta para jogar este e o Municipal, que começa dia 17 de outubro.

Últimas