Giro da Tribuna pelo esporte: Petropolitanos com chances de medalhas nos Jogos Olímpicos de Tóquio

11/jan 14:35
Por Roberto Márcio – especial para Tribuna de Petrópolis

Ao que tudo indica, Petrópolis terá recorde de medalhas com seus atletas durante os Jogos Olímpicos de Tóquio, que começa em julho. Boa parte deles estão certos em suas respectivas modalidades, a exceção do futebol sub-23 masculino, que ainda não entregou a sua relação final ao Comitê Olímpico Brasileiro. Nele estão o meia atacante Luís Henrique “Zulu” e o auxiliar-técnico Gustavo Leal.

Aliás, por falar em futebol, o Brasil disputará o bicampeonato dourado e, como previsto, é apontado como um dos favoritos de fato. No entanto, há um outro atleta nascido na Cidade Imperial que pode garantir uma medalha inédita no mountain bike, que é o número um do mundo, Henrique Avancini, que atualmente está em Petrópolis após em dezembro ter treinado na África do Sul, em preparação para os Jogos e outros desafios.

Na maratona, Daniel Chaves não está entre os favoritos, mas tem potencial para surpreender. O basquete 3 x 3, cujo treinador é Douglas Loritte e professor de educação física no município. Por outro lado, Gabriel Portilho Borges, em dupla com Lars Grael, vai brigar por pódio na Vela (Classe 49r) e treina no momento para isso. Já nos Jogos Paralímpicos, Fabiana Soares ainda sonha com a vaga na esgrima adaptada.

Expansão do “Agita Petrópolis” com a Saúde para enfrentar a covid-19

O prefeito interino, Hingo Hammes, quer o esporte no enfrentamento ao combate da Covid-19. Criador do modelo que é sucesso há quatro anos, o programa “Agita Petrópolis” deverá ser expandido, a fim de que mais pessoas resolvam aderir às aulas e orientações no trabalho da atividade física. Já está provado que o exercício físico é um aliado poderoso do organismo, fato que o diretor do Instituto de Cultura e Esportes, Leandro Kronemberger, o Berg, acertou com a Secretaria de Saúde uma parceria para fortalecer o “Agita Petrópolis”.

Intrépido corredor de rua da cidade garante presença na São Silvestre 2021

O petropolitano Jorge Carlos, um dos mais antigos pedestrianistas do município, anunciou recentemente que vai se inscrever para participar da Corrida Internacional de São Silvestre, que vai acontecer no dia 11 de julho. Isto é, se realmente o evento for liberado pelo Governo de São Paulo. Jorge disse que, mesmo que seja vetada a edição de julho, é provável que seja transferida para a data tradicional de 31 de dezembro. E vai correr.

Mercado do eSports: expansão mundial favorece jogadores e empresas

Poucas pessoas e empresas dão a devida atenção ao mercado de eSports, a menos é claro, que desperte algum interesse momentâneo. Muitas ainda não acreditam no seu verdadeiro potencial e nem fariam ideia de que movimentam uma indústria bilionária. De acordo com a NewZoo, empresa de análise de games e esportes eletrônicos, em 2021 o eSports vai gerar US﹩180 bilhões de receitas.

Mercado de eSports em Petrópolis: formado time com nome de clube local

Petrópolis tem Sports crescendo a cada dia. Como é fato que a pandemia movimentou um número recorde de jogadores, a tendência de alta segue na cidade e a Good Gamers fez uma parceria com a agremiação futebolística Alegria FC, que no ano passado, inclusive, representou o Internacional no Campeonato Municipal de futebol máster. O elenco de esportes eletrônicos passa a se chamar Alegria GG e disputará campeonatos regionais e até nacional.

Busca por conserto de videogames cresceu 63% em dezembro, aponta GetNinjas

Na pandemia, o videogame se tornou um aparelho cada vez mais usado, por adultos e crianças, para espantar o tédio da reclusão. Segundo o Getninjas, maior aplicativo de contratação de serviços da América Latina, a demanda pelo serviço de conserto de videogames aumentou 63% em dezembro do ano passado em comparação com o mesmo período de 2019. Já entre janeiro até dezembro do ano anterior, o crescimento foi de 33%. No total, foram mais de 53 mil solicitações feitas no aplicativo em 2020.

90% dos brasileiros gostariam de fazer mais pela saúde física e mental em 2021, diz pesquisa

Durante a quarentena, os brasileiros mudaram seus hábitos e estão menos saudáveis. A pesquisa realizada pela Hibou, empresa de pesquisa e monitoramento de mercado e consumo, mostrou que 47% se sentem menos dispostos agora do que antes do início da pandemia. Contudo, a perspectiva de melhora nesse quadro é otimista, já que 90% dos entrevistados gostariam de aproveitar o ano novo para fazer mais pela própria saúde física e mental em 2021. Tudo isso para lidar com as três principais preocupações mencionadas: stress da rotina, confinamento prolongado e problemas financeiros.

E por falar em atividade física….

Maria Lúcia Sebastião, professora de Educação Física da Estácio, ofereceu na semana passada dicas que podem facilitar o período de adaptação, afinal é importante iniciar uma mudança de hábitos para começar o novo ano com uma nova atitude. Exercícios físicos têm lugar de destaque na lista de resoluções para o ciclo: seja para alcançar uma vida mais saudável ou para equilibrar o peso que foi ganho nas ceias natalinas.

Curtas

Sem prazo para viajar novamente – Henrique Avancini curta uma pausa dos treinos mais fortes em Petrópolis, além é claro curtir a família e os amigos, no distrito de Itaipava. Ele não sabe ainda quando vai viajar novamente.

Nome de consenso sai nos próximos dias na LPD – O nome de consenso para a disputa da presidência da Liga Petropolitana de Desportos vai ser anunciado nos próximos dias. A articulação nos bastidores é grande.

Últimas