Final aumenta em cinco vezes as viagens de ônibus entre Porto Alegre e Montevidéu

25/nov 12:05
Por Marcio Dolzan / Estadão

A final da Copa Libertadores da América, entre Palmeiras e Flamengo, em Montevidéu, está tendo um impacto direto em outra capital, para além de São Paulo e Rio. A movimentação na rodoviária de Porto Alegre cresceu muito esta semana, sendo que o fluxo de viagens de ônibus entre a capital gaúcha e a uruguaia aumentou cinco vezes.

O dado foi levantado pela DeÔnibus, empresa especializada na venda de passagens rodoviárias por meio de uma plataforma que integra as principais empresas que realizam transporte de passageiros do país. A DeÔnibus considerou o total de passagens emitidas pela TTL, companhia que faz o trajeto entre Porto Alegre a Montevidéu. Em circunstâncias normais, a TTL oferece apenas um ônibus por dia para realizar o percurso. Esta semana, porém, 25 veículos foram reservados.

A distância entre Porto Alegre e Montevidéu é de 800 quilômetros, sendo que o trajeto rodoviário é percorrido em aproximadamente dez horas. A provável explicação para o trecho por terra está na alta do preço das passagens, uma realidade no País desde que o fluxo de viagens começou a ser retomado no mercado interno e também a partir da reabertura das fronteiras com países vizinhos.

“Com a alta de cerca de 60% nas passagens aéreas, e com as flutuações do real em comparação às outras moedas, o consumidor tem preferido viajar de ônibus”, ponderou Breno Moraes, CEO da DeÔnibus. “De Porto Alegre a Montevidéu a passagem custa de R$ 360 a R$ 500 (se for feita de ônibus). De avião, se você esperou o seu time chegar à final da Libertadores para ter certeza se comprava ou não, você não encontra passagens por menos de dez vezes esse valor.” O cálculo já considera o valor gasto para se viajar de avião entre São Paulo ou Rio e a capital gaúcha.

Em relação à final da Libertadores em Montevidéu, isso acontece mesmo que o total de voos também tenha sido incrementado. Segundo a companhia aérea Gol, desde o último sábado até a próxima terça-feira, um total de 35 voos extras com destino à capital uruguaia foram planejados, saindo dos aeroportos de Guarulhos e Galeão. Isso representa um acréscimo de sete mil assentos.

Últimas