Festival de cinema, Linguagem em Foco, que tem como base Petrópolis, este ano ganha caráter nacional com versão online

  • 13/11/2020 10:33

    A edição deste ano do Linguagem em Foco – Ciclo de exibição audiovisual reunirá importantes nomes do cinema brasileiro, de diferentes gerações, numa mostra de longas e curtas-metragens da cinematografia contemporânea. O evento, que será totalmente digital e gratuito, trará uma homenagem para a vida e obra obra do cineasta e fotógrafo Walter Carvalho com exibições de sucessos e raridades entre os dias 2 e 8 de dezembro.

    “O objetivo do festival é explorar a maneira como os filmes são feitos, é discutir a linguagem cinematográfica. Com isso, o foco da curadoria é buscar longas metragens do cinema brasileiro contemporâneo que quebrem os paradigmas convencionais da linguagem”, explica a curadora Beatriz Ohana.

    Baseado em Petrópolis, na região serrana do estado do Rio, o festival ganhará caráter nacional em sua edição online. Na primeira edição do evento, realizada em 2018 através de um crowdfunding, o homenageado foi o cineasta Ruy Guerra. 

    “A intenção do projeto é homenagear um grande cineasta a cada edição. Buscamos nomes que dediquem suas carreiras a criação de um cinema inventivo, que se conecta com diversas outras linguagens artísticas para criar verdadeiras obras primas. Nessa segunda edição, homenagearemos o grande Walter Carvalho. A partir de seu brilhante trabalho, queremos falar sobre esse artista que possui uma longa carreira baseada em quebrar paradigmas para construir novos e incríveis universos através da fotografia”, conta Beatriz.

    Herdeiro do Cinema Novo, Carvalho é um dos nomes mais premiados e louvados do cinema brasileiro contemporâneo. Reconhecido pela sua técnica de contar histórias pelas imagens, ele acumula trabalhos em clássicos como “Central do Brasil”, “Lavoura Arcaica” e “Amarelo Manga”, além de projetos para TV como a novela “Amor de Mãe”, da rede Globo.

    No Linguagem em Foco, serão exibidos três curtas raros do artista e o longa “Abril Despedaçado”, de Walter Salles, um dos trabalhos mais reconhecidos de Carvalho. Completam a programação os longas “Abismo tropical” e “Quase Memória”, 6 curtas de novos cineastas selecionados pela curadoria e o curta “A incrível aventura das sonhadoras crianças contra Liveira Furada e Capitão Sujeira”, realizado no projeto Cine Pagu, em Petrópolis. 

    No dia 06, uma live trará um debate com Walter Carvalho sobre “Abril despedaçado”, e conversas com Diogo Oliveira (roteirista do “Quase Memória”) e Paulo Caldas (diretor do “Abismo Tropical”). E, por meio da Janela LEF, um diálogo com uma nova geração de talentos do cinema do Estado do Rio de Janeiro com mediação de Beatriz Ohana e da cineasta e produtora Diana Iliescu. Os dias 7 e 8 trarão uma repescagem com parte da programação.

    O Linguagem em Foco Digital contará com um plataforma exclusiva de streaming que hospedará os filmes durante os dias de festival. Para assistir aos filmes, acessar a aba Em Cartaz em www.linguagemfoco.com.br, além de encontrar mais informações sobre os filmes e os artistas.

    Serviço:

    Janela Oficial: longas da cinematografia brasileira contemporânea

    ABISMO TROPICAL 2019, 72 min, documentário

    Direção: Paulo Caldas

    QUASE MEMÓRIA 2015, 95 min, ficção

    Direção: Ruy Guerra

    ABRIL DESPEDAÇADO 2001, 95 min, ficção

    Direção: Walter Salles

    Sessão Especial: materiais da carreira de Walter Carvalho

    AMÉRICA, episódio 1 parte 1, 1989, 28 min

    episódio 1 parte 2, 1989, 28 min

    SANGUE LATINO – ENTREVISTA COM WALTER CARVALHO, 2011, 23 min

    Janela LEF: curtas de novos cineastas com curadoria do LEF 2020

    DEPOIS QUE TE VI (DELIVERY BOY) 2016, 15 min, ficção

    Direção: Vinicius Saramago

    CANVAS 2016, 7 min, ficção

    Direção: Vanessa Cunha e Jonas Feitosa

    TANGO 2019, 11 min, ficção

    Direção: Felipe Quadra

    MANIFESTO URGENTE 2019, 5 min, experimental

    Direção: Moisés Santana Filho

    DEUSES E TITÃS 2014, 14 min, ficção

    Direção: Clodoaldo Lino

    V 2017, 14 min, ficção

    Direção: Flavio Carriço

    Janela Educativa: curta para o público infantil e infanto juvenil

    A INCRÍVEL AVENTURA DAS SONHADORAS CRIANÇAS CONTRA LIXEIRA FURADA E CAPITÃO SUJEIRA 2019, 15 min, ficção

    Direção: Beatriz Ohana

    Live LEF digital: Homenagem LEF 2020 e debate com convidados

    Data: 06/12

    Horário: 15h

    Debate com Walter Carvalho (diretor de fotografia do “Abril Despedaçado” e homenageado LEF 2020), Diogo Oliveira (roteirista do “Quase Memória”) e Paulo Caldas (“diretor do Abismo Tropical”). Debate com os novos cineastas, selecionados da Janela LEF: Vinicius Saramago, Vanessa Cunha, Felipe Quadra, Moisés Santana Filho, Clodoaldo Lino e Flávio Carriço.

    Últimas