Evento online debate a conscientização da violência contra a pessoa idosa

15/jun 10:11
Por Redação/Tribuna de Petrópolis

No Dia Mundial da Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa celebrado nesta terça-feira, dia 15 de junho, a Prefeitura de Petrópolis em parceria com a Unifase e o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa promove de forma online, um evento para abordar a importância da conscientização sobre o tema. A palestra acontece às 17h, com transmissão pelo YouTube e pela plataforma Zoom.

O evento contará com palestras da médica geriatra e gerontóloga Rita Cássia Ravaglia Campos, Coordenadora da Atenção da Saúde do Idoso de Petrópolis, o advogado Fábio Alves, Procurador Geral do município, e da tenente-coronel Simone de Almeida Silva, comandante do 26° Batalhão de Polícia Militar de Petrópolis.

Para a médica Rita Cássia, idosos com idade superior a 80 anos, do gênero feminino, com identificação de violência familiar anterior, conflitos ou crises recentes na família, isolamento físico e social representam alguns dos fatores de risco para a violência contra a pessoa idosa. Ela destaca que é importante estar atento aos sinais de alerta como o medo ou ansiedade do idoso na presença do cuidador ou de um familiar, aspecto de desnutrição, falta de cuidado com os problemas de saúde, busca tardia por assistência, entre outros.

Quando constatado sinais de abuso contra a pessoa idosa é importante fazer a denúncia aos órgãos competentes. Já em caso de violência financeira, o encaminhamento deve ser feito a delegacia para abertura de um boletim de ocorrência. Se houver ocorrência de violência sexual, a pessoa idosa deve ser encaminhada até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em até 72 horas. Após esse período, o ideal é seguir para o departamento de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), que funciona no Hospital Municipal Nelson de Sá Earp (HMNSE).

O Disque 100 é o número para atender denúncias de violência contra as pessoas idosas.

Últimas