Estado divulga 92 mil casos de covid-19 retroativos após mudança no sistema federal

19/set 12:01
Por Redação/ Tribuna de Petrópolis

A Secretaria de Estado de Saúde informou que devido a uma mudança no sistema do Ministério da Saúde, foram computados 92.614 casos de covid-19 retroativos que não estavam no sistema. Mais uma vez a confusão em dados relacionados à doença dificulta a compreensão da real situação da pandemia no estado e nos municípios. o Governo do Estado afirma que a mudança não impacta no cenário epidemiológico atual, que segue com queda no número de casos. 

Os dados foram atualizados neste sábado no Painel Covid-19 do Estado, e são casos que aconteceram desde os primeiros meses de pandemia e antes não eram visualizados. A SES disse que os dados não estavam sendo visualizados devido à alteração do sistema federal, e que desses registros, 62% correspondem ao ano de 2021.

O Estado afirma que as equipes da vigilância estadual utilizam os registros por data de ocorrência ou início dos sintomas. O monitoramento por esse parâmetro garante que as informações sejam mais fidedignas ao cenário, uma vez que mostram quando de fato o caso ocorreu e não quando ele foi registrado no sistema. A Secretaria também afirma que a inserção desses dados não reflete no Mapa de Risco para Covid-19, divulgado semanalmente, uma vez que a vigilância epidemiológica utiliza para sua confecção dados do sistema SIVEP-Gripe, que não apresentou instabilidade até o momento.

A SESE disse ainda que a equipe técnica  mantém um trabalho contínuo para minimizar os impactos das alterações realizadas no sistema e-SUS Notifica e, dessa forma, divulgar informações mais próximas do cenário real da pandemia. A taxa de ocupação dos leitos de UTI no estado, neste sábado (18), era de 57% e, para enfermaria, 41%.

Últimas