De olho na classificação, Novorizontino recebe Botafogo no Paulistão

06/maio 05:30
Por Estadão

Sonhando com a classificação às quartas de final do Campeonato Paulista, o Novorizontino fará um jogo crucial diante do Botafogo nesta quinta-feira, às 20h, no estádio Jorge Ismael de Biasi, pela 11.ª rodada. Se vencer e o Palmeiras tropeçar, o Tigre carimba sua vaga na próxima fase.

Com 18 pontos, o Novorizontino vem de uma derrota dramática frente ao Guarani, na qual desperdiçou um pênalti nos minutos finais. Apesar do revés, o clube segue na vice-liderança do Grupo C, com 18 pontos, três a mais do que o Palmeiras. O Red Bull Bragantino soma 22.

A situação é confortável. Além da vantagem, o Novorizontino conta com uma ‘ajudinha’ do Palmeiras. O time da capital está priorizando a Copa Libertadores e vem colocando os garotos da base nas últimas rodadas. No clássico contra o Santos, Abel Ferreira já avisou que não irá com os titulares.

Do outro lado, o Botafogo tem uma pequena chance de classificação, mas não esconde que seu principal objetivo é confirmar a permanência na primeira divisão. O time de Ribeirão Preto é o terceiro colocado do Grupo A, com dez pontos, atrás de Corinthians, com 22, e Inter de Limeira, 15.

Apesar da permanência na elite estar encaminhada, o técnico Argel Fuchs descarta clima de “já ganhou” no Botafogo, pois acredita que o time ainda precisa de pelo menos um ponto para atingir uma margem segura. “Não vamos esmorecer, futebol não dá essa tranquilidade, conseguimos resultados, passamos o Santos, mas o campeonato não acabou. Temos dois jogos e a gente precisa somar, ao menos, um ponto para ter uma margem matematicamente segura”, alertou Fuchs.

Em relação ao time que ganhou do São Bento, por 2 a 0, o treinador tricolor deve realizar apenas uma mudança. O lateral-esquerdo Martinelli não reúne condições de sofrer uma entorse no tornozelo e será substituído por Pará.

Já o Novorizontino, temendo perder a vaga que estava na mão, escondeu o jogo e cortou a comunicação com os jornalistas. O clube, no entanto, não tem suspensos e deverá escalar o que tem de melhor. A única dúvida segue sendo o meia Pereira, que se recupera de uma luxação no cotovelo. Na frente, Jenison, que perdeu pênalti em Campinas, briga pela posição com Guilherme Queiroz.

“Estamos conversando bastante desde a última partida. Temos feito alguns ajustes entre nós e agora nossa ideia é manter o foco e ter concentração total para o próximo duelo. Vamos jogar em casa e isso pode ser fundamental para conseguirmos um bom resultado”, destacou Paulinho.

Últimas