Com 100% dos leitos ocupados, municípios do entorno adotam novas medidas de restrição

02/mar 18:32
Por Philippe Fernandes

A situação da covid nos municípios do entorno de Petrópolis continua preocupante. A Prefeitura de Teresópolis anunciou, há pouco, novas medidas restritivas contra o avanço do vírus. Por lá, a taxa de ocupação dos leitos chegou a 100%.

As medidas levam em conta o potencial de impacto das restrições na redução da taxa de contágio pelo coronavírus no município. Uma das principais mudanças está na circulação das pessoas: assim como fez no auge da primeira onda da pandemia, haverá um rodízio de CPF – mas, desta vez, apenas para o acesso aos estabelecimentos comerciais e de serviços, como clubes e academias. Os cidadãos com CPFs que terminam em números pares só poderão entrar nos estabelecimentos em dias pares; e quem tem o documento terminando em número ímpar, só poderá circular em dias ímpares.

A medida não vale para serviços de saúde, farmácia, veterinária e para o abastecimento de combustível, bem como concessionárias e atividades com limitação específica de ocupação. O comércio também sofrerá restrições: o comércio de rua passará a operar de 10h às 19h; e estabelecimentos de alimentação poderão admitir clientes até às 22h, encerrando atividades ao público até 23h – incluindo atendimento presencial, take away, delivery e drive thru. Após as 23h será permitido o funcionamento exclusivamente dos seguintes serviços essenciais: serviços de saúde, serviços veterinários, farmácias, postos de combustível (sem conveniência) e serviços de concessionárias públicas.

A Prefeitura de Teresópolis também proibiu o consumo de bebida alcoólica em espaços públicos a qualquer horário do dia e da noite, passível de apreensão das bebidas e multa sanitária no valor de R$ 136,42 para o cidadão em descumprimento ao decreto. Está vedada, ainda, a venda e o consumo de bebidas alcoólicas nos clubes, assim como o banho de sol e de piscina, exceto para prática esportiva acompanhada por professor. O ensino remoto estará mantido até 21 de março. A rede privada teresopolitana já está autorizada e continua podendo funcionar na modalidade presencial, resguardando o direito do aluno que quiser permanecer em ensino remoto, seguindo as normas do atual decreto e do decreto específico para a retomada das aulas nº 5465/2021.

Os setores religioso e de alimentação (restaurantes, bares, lanchonetes e similares) devem obedecer o limite de 50% de ocupação do local e obedecer as medidas sanitárias determinadas por decreto. Cinemas e teatros não podem abrir, e eventos públicos e privados não poderão ser realizados.

“As medidas que estamos propondo são temporárias e são um esforço coletivo que todos precisamos fazer agora para que não seja preciso avançar em direção a um lockdown”, afirmou o prefeito Vinicius Claussen.

Outros municípios também adotaram medidas de restrição

E não foi só Teresópolis. Também vizinha a Petrópolis, Areal adotou medidas restritivas em decreto publicado no dia 23 de fevereiro. Na primeira onda, praticamente não houve respeito às regras de isolamento no município, com as lojas abertas mesmo enquanto o comércio de Petrópolis estava proibido de funcionar.

Agora, a cidade criou um Comitê de Operações de Emergência contra a covid. A cidade criou três “bandeiras”, em operação semelhante ao que aconteceu em São Paulo, com a classificação de risco moderado, alto e muito alto – ação semelhante à adotada em Nova Friburgo. Em Três Rios, a Prefeitura publicou decreto em 22 de fevereiro regulando os horários de funcionamento do comércio, em função do novo agravamento da pandemia.

Açougues, peixarias, lojas agropecuárias, shoppings e centros comerciais e atacadistas poderão funcionar apenas entre 8h e 18h, de segunda a sexta-feira; e entre 8h e 14h, nos finais de semana.

O comércio de rua deve funcionar 50% presencialmente e, “quando possível, adotar sistema de tele-entrega ou pague-e-pegue”, também entre 8h e 18h durante a semana; e entre 8h e 13h nos finais de semana. E só há previsão para funcionamentos dos bares de segunda a sexta até 18h.

Últimas