Bolsonaro veta título de Heroína da Pátria para psiquiatra Nise da Silveira

  • 25/maio 13:07
    Por Lorenna Rodrigues / Estadão

    O presidente Jair Bolsonaro vetou integralmente projeto que inscreveria o nome da psiquiatra Nise Magalhães da Silveira no “Livro dos Heróis e Heroínas da Pátria”. O veto foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira, 25.

    O projeto, de autoria da deputa deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ), foi aprovado pelo Congresso Nacional em abril. Nise da Silveira foi reconhecida mundialmente por revolucionar o tratamento psiquiátrico no Brasil, sendo contra métodos até então tradicionais, como eletrochoques e confinamento.

    “Não é possível avaliar a envergadura dos feitos da médica Nise Magalhães da Silveira e o impacto destes no desenvolvimento da Nação, a despeito de sua contribuição para a área da terapia ocupacional”, explicou a justificativa do veto. “Desse modo, ao ouvir as pastas ministeriais, o presidente decidiu vetar a proposição legislativa, pois prioriza-se que personalidades da história do País sejam homenageadas em âmbito nacional, desde que a homenagem não seja inspirada por ideais dissonantes das projeções do Estado Democrático”.

    Últimas