Atlético-GO vence e aproxima o Grêmio ainda mais do rebaixamento para a Série B

25/out 22:03
Por Estadão

O Grêmio ficou mais perto de um novo rebaixamento no Campeonato Brasileiro, ao perder, nesta segunda-feira à noite, em Goiânia, para o Atlético-GO, por 2 a 0, em duelo válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com a derrota o time do Rio Grande do Sul fica com 26 pontos, na vice-lanterna, e vai ter três partidas complicadas na sequência: Palmeiras, Atlético-MG e Internacional. Já a equipe de Goiás é a nona colocada, com 37 pontos.

Apesar da entusiasmada torcida presente, o Atlético-GO iniciou a partida no contra-ataque, pois o Grêmio tomou a iniciativa. O time gaúcho diversificou suas jogadas pelos lados. Com isso, criou boas oportunidades com Thiago Santos e Douglas Costa.

O Atlético mostrou velocidade com Janderson, André Luís e Ronald. Marlon Freitas ficou responsável por coordenar as jogadas, mas o time da casa não conseguiu levar perigo à meta de Brenno. Mas as rápidas investidas do setor ofensivo goiano levaram a dupla de zagueiros Paulo Miranda e Kannemann a receberem o carta amarelo antes dos 30 primeiros minutos de partida.

Ironicamente, a melhor oportunidade do Grêmio aconteceu em um belo contra-ataque, quando Jean Pyerre tocou para Villasanti. A finalização foi interceptada pelo goleiro Fernando Miguel.

Nos últimos dez minutos, o Grêmio dominava com 70% de posse de bola e somava dez chutes a gol contra apenas um do Atlético, mas uma bobeada da zaga propiciou a abertura do placar pelo time da casa. Eder lançou, Vanderson errou e Igor Cariús surgiu para fazer 1 a 0, aos 43 minutos. O gol abalou o Grêmio e o Atlético quase fez o segundo com Janderson, mas Brenno fez bela defesa.

O Grêmio voltou para a etapa final com a intenção de pressionar, mas, muito nervoso, cometeu vários erros de passes. Só levou perigo com Villasanti. O Atlético passou a atuar como gosta e criou oportunidades com Janderson e Arnaldo no contra-ataque.

Vagner Mancini colocou Ferreira e Borja na tentativa de aumentar o poder de ataque. O time foi para frente e apostou nas bolas alçadas na área. Mas tudo deu errado para o tricolor gaúcho.

Após um erro na defesa, André Luís foi lançado na área e foi puxado por Paulo Miranda. Pênalti e o zagueiro gremista levou o segundo cartão amarelo, ocasionando o vermelho. Marlon Freitas, com categoria, fez 2 a 0.

Mesmo com um jogador a menos, o Grêmio forçou a marcação no campo do Atlético e construir pelo menos três boas oportunidades para marcar, mas, além da falta de sorte nas finalizações, o time ainda enfrentou a boa atuação de Fernando Miguel.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 2 X 0 GRÊMIO

ATLÉTICO-GO – Fernando Miguel; Arnaldo (Oliveira), Wanderson, Eder e Igor Cariús; Willian Maranhão, Marlon Freitas e Janderson (Baralhas); André Luís (Montenegro), Zé Roberto (João Paulo) e Ronald (Toró). Técnico: Eduardo Souza.

GRÊMIO – Brenno; Vanderson, Paulo Miranda, Kannemann e Rafinha; Thiago Santos, Villasanti (Luiz Fernando), Jean Pyerre (Borja), Alisson (Campaz) e Douglas Costa (Ferreira); Diego Souza (Ruan). Técnico: Vagner Mancini.

GOL – Igor Cariús, aos 43 minutos do primeiro tempo. Marlon Freitas aos 26 do segundo.

ÁRBITRO – Caio Max Augusto Vieira (RN).

CARTÕES AMARELOS – Kannemann, Thiago Santos, Ferreira, Rafinha, André Luís, Luiz Fernando, Borja, Willian Maranhão.

CARTÃO VERMELHO – Paulo Miranda.

RENDA E PÚBLICO – Não divulgados.

LOCAL – Estádio Antônio Accioly, em Goiânia.

Últimas