Assassinato na Rockfeller está sendo investigado pela Polícia Civil

  • Continua após o anúncio
  • Continua após o anúncio
  • 27/05/2016 17:00

    O crime que comoveu a cidade na última quarta-feira na rua Rockfeller está sendo investigado pela 105ª Delegacia de Polícia, no Retiro. Duas equipes estão voltadas para a identificação dos suspeitos pela morte de um homem de 84 anos, no Valparaíso. De um lado o setor de Homicídios e de outro o de Roubos e Furtos. Até o momento, a única informação concreta é de que o roubo, seguido de morte – o que configura latrocínio –, teve a participação de três homens, que invadiram a residência pulando o muro. De acordo com o chefe do setor de Homicídios, Renato Rabelo, a sociedade civil pode ajudar a desvendar o crime fornecendo informações por meio do número (24) 99250-9140. 

    O assassinato aconteceu por volta das 7h. Na ocasião, o idoso foi abordado por três homens, que o agrediram até a morte com socos e coronhadas. Ele tinha acabado de ir à padaria. Na casa, também estava a mulher dele, que testemunhou o crime. Hoje, o silêncio e o clima de tensão tomaram conta da vizinhança. Uma mulher, que preferiu não se identificar, contou que viveu por 15 anos no local e, atualmente, a filha mora ali. Ela contou que ficou perplexa com o crime. “Conheço a família há anos e são muito queridos. Achamos muito estranho tudo o que aconteceu”, disse. Para a mulher, o medo agora é natural. “Não estamos livres de nada. Só Deus para nos proteger”, comentou. 

    De acordo com Renato, os suspeitos levaram apenas R$ 300 em espécie que estavam dentro de uma bolsa. Segundo as testemunhas que já foram ouvidas, os homens fugiram a pé. A investigação preliminar mostra que eles tinham algum tipo de conhecimento sobre a casa, uma vez que existem, pelo menos, outras 20 residências ao redor, muitas com características semelhantes. Porém, o investigador disse não poder confirmar ainda se os suspeitos conheciam a rotina do casal. Os delegados Alexandre Ziehe e Juliana Ziehe são responsáveis pela investigação. 


    Últimas