Após audiência de custódia, juiz mantém prisão do deputado Daniel Silveira

  • Continua após o anúncio
    Continua após o anúncio

  • 18/02/2021 17:55
    Por Redação/Tribuna de Petrópolis

    Em audiência de custódia realizada por videoconferência, nesta quinta-feira(18), o juiz Airton Vieira decidiu manter preso o deputado federal Daniel Silveira (PSL). De acordo com a decisão, Daniel permanece preso até que o plenário da Câmara dos Deputados decida se o manterá preso ou não. Por ser um parlamentar em exercício de suas funções, cabe ao plenário da Câmara decidir se mantém a ordem de prisão.

    O inquérito que investiga Daniel Silveira corre sob sigilo e também está sendo acompanhado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes. Daniel foi preso pela Polícia Federal na noite da última terça-feira(16) por ordem do ministro, depois de ter publicado um vídeo nas redes sociais com xingamentos e acusações contra integrantes do STF, além de ter feito apologia ao AI-5. A decisão do ministro foi confirmada, por unanimidade, pelo plenário do STF nesta quarta-feira.

    Ainda não há data definida para a sessão plenária que vai decidir o caso do deputado, mas a expectativa é que seja nesta sexta-feira(19).

    Últimas