10% perdem carteira assinada; GE-Celma demite 300 e prefeitura arrecada menos

  • 09/07/2020 00:01

    Crise 1

    A luz vermelha não só acendeu como está piscando e o alarme disparou. As 300 demissões na GE Celma de Petrópolis – 15% dos funcionários –  mostram que o número de recém-desempregados na cidade, na casa dos 6 mil em apenas dois meses,  continua se agravando, considerando mão de obra de carteira assinada em torno de 65 mil pessoas no total em Petrópolis. Para a prefeitura, além das demissões impactarem na crise social, o recolhimento de impostos – a GE Celma paga R$ 20 milhões anuais de ISS – cai consideravelmente.

    Crise 2

    Se está demitindo é porque a GE Celma tem menos motores de avião para revisar.  A perspectiva da empresa, em meados do ano passado, era chegar a 700 turbinas de avião revisadas por ano, um crescimento de 40% até 2021. Não contava com a pandemia poucos meses depois afetando diretamente o setor aéreo.

    Positivo

    Nisso o vereador Silmar Fortes tem razão. Segundo ele, dos 900 funcionários da Comdep testados, 40 foram casos positivos. “É importante o município soltar esta informação”, disse. Mesmo porque é um índice bem alto.

    Lá também

    A Câmara de Vereadores tem, hoje, dois funcionários afastados com suspeitas de Covid-19. Isto gerou pedido de vereadores para que a Casa promova a higienização do Palácio Amarelo, que vai rolar agora no recesso.

    Os deputados Rodrigo Amorim, estadual, e Daniel Silveira, federal, fizeram questão de uma foto com o pré-candidato do PSL à prefeitura, Elias Montes. Estão animados com a campanha na cidade.

    Balões

    A quantidade de balões no céu de Petrópolis nos últimos dias, uma prática ilegal, não está no gibi. Ao mesmo tempo aumentam casos de incêndio em vegetação. Pra m só mesmo denúncia pelo Linha Verde,  0300 253 11 77.

    Eu, hein!

    Partisans comentaram aqui ontem sobre a fiscalização da prefeitura nos terminais de ônibus. Foi feita pela Secretaria de Serviços e Ordem Pública e Procon. Resultou em apenas uma multa de R$ 800 por um único ônibus flagrado com lotação.  Também não pudemos deixar de reparar que apenas SSOP e Procon participaram… CPTrans nem deu as caras.

    Juridicamente

    Após manifestação de motoristas de vans escolares e de turismo, a prefeitura anunciou que já mantém conversas com representantes das categorias e que eles vão ser beneficiados com uma cesta básica.  Auxílio emergencial a R$ 500 como fez Niterói, nem pensar.  A prefeitura disse que um “suposto auxílio emergencial inexistente e uma Indicação Legislativa, aprovada na Câmara Municipal, que não tem força de lei. Nenhuma dessas pautas encontra respaldo jurídico”. Nem tudo é uma questão jurídica.

    Não vai rolar

    O vereador Silmar Fortes comemorou a aprovação de uma indicação sua em que a prefeitura fica obrigada a testar para Covid-19, periodicamente, os profissionais da saúde. Ih, não vai rolar: não fez nem a primeira testagem na totalidade, imagina se vai virar rotina.

    Vou te contar

    E os motoristas – um motorista de aplicativo e um funcionário da Assistência Social – que se desentenderam na Barão – com vídeo viralizado nas redes – gravaram uma mensagem fazendo as pazes. Foram reconciliados por um amigo em comum que também participou do vídeo. Todos, sem máscara.

    Descoberto o conselheiro

    Sobre a ação movimenta pelos ministérios públicos, estadual e federal, no caso da reabertura de tempos religiosos o vereador e pastor Antônio Brito tascou: “Não existe liberar algo que não foi proibido. O MP faz a sua parte e recomenda e o executivo decide o que vai fazer”.  Acreditamos que o conselheiro do governo no caso de peitar os MPs e abrir os templos religiosos foi o vereador Antônio Brito.

    Peladas

     

    A expectativa é do vereador Maurinho, que aguarda para esta semana, da Prefeitura, uma posição sobre a volta das atividades de futebol em nossa cidade. Segundo eles os clubes já apresentaram à prefeitura pedido de retomada de atividades. “Nas cidades vizinhas já tá tendo peladas”, exemplificou.

     

     

    Essa é uma trilha na Pedra de Itaipava onde é possível ver o distrito do alto. José Renato Lisboa Cordeiro fotografou pra gente. 

    Últimas