Falso empresário que aliciava jovens em busca de sucesso e os mantia em cativeiro no Rio é condenado a 32 anos de prisão

Por: Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil/Rio de Janeiro

Quarta Feira, 03 de Abril de 2019


Texto: A - A A +
Compartilhar:
imagem noticias
Reprodução