Trajeto da tocha olímpica na cidade segue em sigilo

Por: Redação Tribuna

Quinta Feira, 07 de Julho de 2016


Texto: A - A A +
Compartilhar:
imagem noticias
Foto: Reprodução

O trajeto da tocha olímpica em Petrópolis seguirá um mistério. Isso porque, a alegada razão de segurança impede que as autoridades públicas do município divulguem antecipadamente a rota do símbolo olímpico bem como detalhes específicos do evento que vai acontecer no próximo dia 29.

Todo o sigilo, entretanto, atende a uma solicitação do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), que exige de todos os municípios que não adiantem informações sobre a programação da tocha olímpica. Essa manobra, que beira à paranoia, tem sido seguido à risca pelos petropolitanos de acordo com os preceitos de segurança.

Todavia, nos bastidores, um comitê local formado por representantes das secretarias de Educação, Esporte, Segurança Pública, Saúde, Polícia Militar e CPTrans vem se reunindo semanalmente para discutiras diretrizes da passagem da tocha. Tudo que é debatido não será levado a público, pelo menos por enquanto.

Segundo a Secretaria de Esportes, Maria Elisa Badia,diferentes departamentos têm trabalhado com atenção para que a passagem da tocha seja um evento sem maiores problemas, ao mesmo tempo uma grande festa para o município. “Estamos em plena atividade com a Comissão de Revezamento, que envolve diferentes setores da Prefeitura e órgãos de segurança. Promovemos reuniões semanais, mas não podemos dar maiores informações sobre isso”, disse Elisa, dizendo que o pontapé inicial da passagem será dado em frente ao Palácio de Cristal.

O responsável pela autarquia acrescentou ainda que nem mesmo o nome de todos os condutores da tocha podem ser anunciados. Os confirmados até agora são seu Nonô, Henrique Viana, Dom Pedro Carlos, Dom Gregório Paixão, Fátima Bernardes e Luís Felipe de Azevedo. Ao todo, deverão participar dessa atividade cerca de 40 pessoas, sendo que em sua maioria indicados pelos patrocinadores dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

O revezamento da tocha começou em 3 de maio de 2016. Durante 95 dias, vai percorrer mais de 300 cidades, em todos os estados. Cerca de 12 mil pessoas participarão, até achegada da tocha ao Maracanã, no dia 5 de agosto, para o acendimento da pira olímpica na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016.

TÓPICOS:

Leia também Atleta petropolitano garante vaga na disputa do Brasileiro de TKD

No último dia 8, foi realizado no CEFAN da Marinha do Brasil, a seletiva Carioca de Taekwondo. A competição da vaga para disputar...

Leia também Cascatinha faz planos para voltar a ter todas as categorias de futebol

Depois de vários anos sem trabalhar todas as categorias de futebol, o Cascatinha está retornando às suas raízes. Campe&ati...

Leia também Serrano recebe Botafogo Sub-20 para jogo beneficente

Ainda não é pelo Campeonato Carioca. Mas neste sábado (21), o torcedor do Serrano poderá matar as saudades e conhecer o el...

Leia também Petropolitanos vascaínos garantem medalhas no Estadual de atletismo

O Campeonato Estadual de atletismo, realizado no último fim de semana nas dependências do Complexo Militar de Deodoro, zona oeste do Rio,...

Leia também Escolinha Comac faz sucesso no futebol e se prepara para a Copa Tribuninha

A Comissão Municipal de Atuação Comunitária de Petrópolis comemora o sucesso da Escolinha Comac de Futebol, voltada...

Leia também Música ajuda na performance dos exercícios físicos? O Superplayer diz que sim.

Os smartphones revolucionaram nossa forma de consumir música. Hoje, onde quer que se vá podemos ver as pessoas conectadas às suas...