Polícia prende mais dois suspeitos de aplicarem golpes contra o INSS no Centro

Por: Redação Tribuna

Quinta Feira, 08 de Fevereiro de 2018


Texto: A - A A +
Compartilhar:
imagem noticias
Foto: Alexandre Carius

Em menos de 24 horas, mais duas pessoas são presas por tentativa de golpe contra o INSS. A dupla, uma mulher de 29 anos e um homem de 40 anos, forem detidos dentro da agência do Itaú, na Rua do Imperador, no Centro, na tarde desta quarta-feira (7). Com eles, os policiais civis encontraram três documentos falsificados. O casal tentava fazer saques de benefícios do INSS com as identidades falsas, mas a gerente  do banco desconfiou do comportamento da dupla e acionou a polícia.

O casal não conseguiu fazer os saques e de acordo com os policiais, eles confessaram que fazem parte de uma quadrilha da cidade do Rio de Janeiro especializada em fraudes contra o INSS. A dupla foi levada para a 105ª Delegacia de Polícia (DP), no Retiro. Esta foi a segunda prisão ocorrida esta semana de pessoas tentando fazer saques de aposentadorias usando documentação falsa. 

A primeira prisão aconteceu na última terça-feira (6). Um idoso, de 61 anos, que é morador do Rio de Janeiro, foi detido dentro da agência do Itaú tentando sacar R$ 11.930 mil usando identidade falsa. Em depoimento a Polícia Federal (PF), para onde foi levado, ele contou que conheceu um homem no Centro do Rio de Janeiro e que ele havia oferecido o documento falsificado dizendo que se fizesse o saque receberia parte do dinheiro - R$ 2 mil.

A segunda aconteceu na tarde de quarta-feira (7) dentro de um agência do Banco do Brasil (BB), em Itaipava. Dois homens, de 49 e 63 anos foram detidos tentando sacar dinheiro do Pasep. Eles acabaram sendo reconhecidos por funcionários do banco, por meio de um grupo interno de whatsapp que divulga fotos de pessoas que cometeram estelionato em outras agências. Em depoimento, a dupla confessou que teria conseguido sacar cerca de R$ 7 mil de uma loja do BB, no Centro da Cidade. A dupla foi encaminhada para a 106ª Delegacia de Polícia (DP), em Itaipava.

Segundo o delegado da Polícia Federal, Adriano Kaipper, as investigações continuam e por enquanto não dá para afirmar se os presos fazem parte da mesma quadrilha. Todos os cinco detidos foram encaminhados para presídios no Rio de Janeiro.

Leia também Serviços a empresários reunidos no Espaço Empreendedor

O número de atendimentos realizados no Espaço Empreendedor em janeiro teve um aumento significativo e alcançou 641 suportes no pr...

Leia também Moradores do Cândido Portinari protestam contra micro-ônibus colocado no bairro

Um grupo de moradores da Rua Cândido Portinari, na Mosela, se manifestaram neste sábado (17) contra a troca do modelo do ônibus. A...

Leia também Lanchonetes fecham as portas no Terminal Imperatriz Leopoldina

Depois do Fuka’s, que encerrou as atividades no fim do ano passado, Petrópolis perdeu mais uma lanchonete tradicional. A Patropi, que fun...

Leia também PM promete reforçar o policiamento nas entradas e saídas de Petrópolis

A intervenção federal na Segurança do Estado do Rio de Janeiro e a possível migração de criminosos para as c...

Leia também Má-conservação e falta de marquises no Centro Histórico preocupa petropolitanos

Buracos, goteira e muita infiltração. Este é o estado da maior parte das marquises dos prédios do Centro da cidade. A falt...

Leia também Suspeito por duplo homicídio é preso

Um homem, de 20 anos, foi preso na noite desta segunda-feira (19), na Estrada do Bonfim, em Corrêas. Ele é suspeito de ser um dos autores...