Ecoturismo e aventura são opção nas férias de verão em Petrópolis

Quinta Feira, 18 de Janeiro de 2018


Texto: A - A A +
Compartilhar:
imagem noticias
Foto divulgação

Que Petrópolis conta com um dos principais conjuntos arquitetônicos e culturais do país, o Centro Histórico, todo mundo já sabe. Mas o turismo histórico-cultural não é o único que faz sucesso na cidade. Neste período de verão, os circuitos de ecoturismo e aventura estão entre as opções mais procuradas pelos visitantes. Segundo guias de turismo, principalmente adolescentes e jovens – em recesso escolar – vêm à procura das nossas cachoeiras, trilhas e esportes de aventura. 

A cidade oferece caminhadas, trekking, ciclismo, trailrun, corridas a pé, off-road, rapel, arvorismo, escalada, canyoning, cabo aéreo, além de cavalgada, observação de aves (birdwatching), vôo livre, passeios de jeep e muitas outras atrações ligadas à natureza. De acordo com o secretário da Turispetro, Marcelo Valente, Petrópolis também se destaca por sua beleza natural e este tipo de turismo também já vem sendo explorado pela atual administração do município para atrair mais visitantes.

“Nossa Mata Atlântica, nossos parques e toda beleza natural que temos na cidade também chamam a atenção dos visitantes. Muitos vêm para Petrópolis procurando a tranquilidade, o sossego, e procuram os distritos, como Itaipava, Araras, onde encontram estas e outras opções de turismo, ligadas à natureza. Por isso, estamos investindo nessa área. Um exemplo é o mapeamento das trilhas de mountain bike, um projeto que começamos no ano passado”, destaca o secretário. 

Petrópolis ainda conta com Parques Naturais que oferecem diferentes modalidades de turismo. No Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Parnaso), é possível observar a fauna e a flora da Mata Atlântica, fazer caminhadas, tomar banho em diversas cachoeiras e ainda percorrer a famosa Travessia, uma longa caminhada entre Petrópolis e Teresópolis. Já no Centro Histórico, a opção é o Parque Natural Municipal Padre Quinha, conhecido como Parque da Ipiranga. O local conta com uma área verde privilegiada para caminhada, piqueniques, entre outras atividades ao ar livre.

Segundo o guia de ecoturismo e professor de história Luciano Gonçalves, mais conhecido como Luciano Mateiro, há opções para todos os gostos em Petrópolis. “Esse período é muito bom para este tipo de turismo. Normalmente saímos cedo e se chover normalmente é só no fim da tarde, então não tem problema. Temos caminhadas em diversos lugares da cidade e a pessoa escolhe o nível de dificuldade que quer. Muita gente procura lugares com caminhadas leves mais mergulho, como é encontrado no Parnaso. Mas temos na cidade diversas opções, como o Castelinho, no Morin, Morro do Boné, no Rocio, entre outras”, explica.

As atrações de Petrópolis podem ser conferidas no site da Prefeitura, pelo link http://www.petropolis.rj.gov.br/fct/index.php/turismo.


Leia também Depois do trem de levitação, vem aí o passeio de gôndola no Rio Piabanha

Imagina fotografar a Catedral São Pedro de Alcântara - um dos pontos mais visitados da cidade - dentro de uma gôndola? A ideia, um...

Leia também Espetáculo infantil Nas Águas da Realeza é atração no Sesc Quitandinha

A Satura Companhia de Teatro será a atração deste sábado (17), no Sesc Quitandinha, onde vai apresentar o espetácul...

Leia também Nova Geração de Talentos: curso de teatro está com inscrições abertas

O Curso Nova Geração de Talentos começa suas atividades este ano com aulas aos sábados para todas as idades, no Teatro da...