Arquiteto apresenta à Prefeitura projeto para o trânsito em Itaipava

Sexta Feira, 12 de Janeiro de 2018


Texto: A - A A +
Compartilhar:
imagem noticias
O prefeito Bernardo Rossi recebeu o anteprojeto, que pode ser viabilizado por meio de parcerias público-privadas. Foto Divulgação

A prefeitura conheceu nesta quinta-feira (11) mais um anteprojeto de Parceria Público Privada (PPP) para melhorias de uma via alternativa em Itaipava. A ideia é abrir um acesso próximo ao Hortomercado Municipal e o Corpo de Bombeiros para ligar a Estrada União e Indústria à Rua Agante Moço. O projeto prevê ainda a duplicação da via que fica atrás do Parque Municipal e a pavimentação do trecho – que hoje é de terra. É a segunda iniciativa para melhoria de mobilidade urbana em Itaipava que a prefeitura recebe para análise. 

O trabalho foi apresentado ao prefeito Bernardo Rossi pelo arquiteto Guilherme Lima, da Engeprat. O trecho tem cerca de 4 km de extensão e vai até o Shopping Estação Itaipava. “Nós temos visto que a iniciativa privada quer contribuir com o crescimento do município e a prefeitura quer ser parceira de quem tem este espírito. O projeto apresentado aqui traz uma excelente alternativa para o trânsito daquele local e agora o trabalho é para viabilizar o projeto”, explica o prefeito Bernardo Rossi. 

"A ideia é de uma intervenção exatamente no trecho que tem maior retenção e isso acontece porque a pista dupla passa para uma só faixa. O projeto é para dividir o fluxo, com a Rua Agante Moço sendo duplicada até o shopping, em sentido ao centro de Itaipava", explica Guilherme Lima. 

A Rua Agante Moço atualmente não é pavimentada e é estreita. Ela ajuda a aliviar o trânsito da região, mas tem saída em Bonsucesso. Assim, o motorista que entra no tráfego intenso próximo ao Horto fica sem alternativa. A via recebe manutenção com auxílio de uma máquina que faz a raspagem da terra para eliminar os buracos. 

Este foi o segundo projeto vindo da iniciativa privada em menos de um mês para melhorar o trânsito em Itaipava. Em dezembro, o arquiteto Aloizio Rodrigues (Zinho) também apresentou uma proposta bloquear um dos lados do trevo próximo ao terminal urbano e construir um acesso entre o supermercado Bramil e um estacionamento. Esse projeto tem o objetivo de reduzir o número de cruzamentos na região, o que pode aumentar a fluidez no trecho. 

Tanto um quanto outro projeto vão caminhar agora pela prefeitura e ser analisados pelo corpo técnico de CPTrans, Secretaria de Obras, Secretaria de Meio Ambiente e Coordenadoria de Planejamento e Gestão Estratégica, que participaram da reunião com os titulares de cada área (Maurinho Branco, Ronaldo Medeiro, Fred Procópio e Roberto Rizzo). O vice-prefeito Baninho e o secretário da TurisPetro, Marcelo Valente, também estiveram na reunião. 


Três pessoas ficam feridas em incêndio no Bob's de...

Um incêndio no Bob´s localizado na Estrada União e Indústria, em Itaipava, na noite de segunda-feira (1), deixou três...

Paulo Mendes Faria brinca com a verdade

“Brincando de Verdade”, este é o nome dado à exposição do artista plástico Paulo Mendes Faria, que exp&...

Espaços transitórios em Itaipava

Os jardins do Parque Municipal de Itaipava estão recebendo intervenções criadas por alunos do 8º período do curso de...

Krav magá para elas em Itaipava

No mês em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, celebrado todo dia 8 de março, vai acontecer em Itaipava um treinamento gratuito...

Lovelands: festival de pagode hoje em Itaipava

Os fãs das bandas de pagode dos anos 90 já podem comemorar. O Fica Comigo, grupo/bloco que toca os grandes sucessos do pagode retr&ocirc...

Bandidos tentar furtar agência do Itaú em Itaipava

Bandidos tentaram na madrugada de hoje (25) furtar a agência do Itaú, na Estrada União e Indústria, em Itaipava. Eles fizer...